Suspensão: saiba como mantê-la em dia

Publicado em 30/04/2016 17:20h

A suspensão é um dos principais itens do automóvel, por influenciar em aspectos como a segurança. “Sua função é controlar as oscilações da carroceria, suavizando os movimentos produzidos pelas molas, proporcionando estabilidade, conforto e boa dirigibilidade”, explica o coordenador de treinamento técnico da Monroe, que fabrica esse tipo de componente, Juliano Caretta. “Os principais sinais de problemas na suspensão são ruídos e excesso de vibração na direção”, complementa. Entre as consequências, há desgaste excessivo e irregular dos pneus e prejuízo ao conforto e à dirigibilidade – e, neste caso, também da segurança. 

O motorista pode tomar alguns cuidados para não prejudicar a suspensão. “Evite trafegar em vias esburacadas”, diz o diretor de segurança e qualidade veicular da AEA, Marcus Vinicius Aguiar. “Passe por lombadas com o veículo reto. Isso preserva a originalidade da suspensão”, argumenta Caretta.

As peças que formam o conjunto de suspensão são amortecedores, coxins, buchas, bandejas, bieletas, molas, barras estabilizadoras e pivôs. A verificação do amortecedor, item mais importante do sistema, deve ser feita a cada 10 mil quilômetros, em geral. “Fique atento ao que indica a fabricante no manual do proprietário do veículo”, afirma Aguiar.

Entre os defeitos mais comuns estão vazamento do fluido e perda de pressão na absorção de choques, no caso do amortecedor. Nos componentes de borracha, entre as falhas estão ressecamento ou ruptura. Nos articuláveis, o aparecimento de folgas é comum.

Fonte: http://goo.gl/arpnX1 

Outras Dicas

5 dicas para limpar o interior do seu carro

Publicado em 05/07/2017 11:42h

10 tecnologias que veremos em carros no futuro

Publicado em 01/07/2017 10:04h

Seu carro fica exposto ao sol?

Publicado em 19/06/2017 16:18h